Ça-Va Restaurante: do pesadelo às mãos de Erick Jacquin

Localizado próximo ao MASP, o bistrô francês aberto em 1996 foi comprado por Erick Jacquin para manter viva a memória de seu antigo dono.

Fachada do Ça-Va Restaurante
IMPORTANTE: com as novas regras da quarentena no estado de São Paulo a maioria dos estabelecimentos encontram-se fechados. Em caso de dúvida, consulte com o local previamente.

Preço médio: R$80/pessoa
Estacionamento/Vallet: vallet
Reserva: aceita (aqui)
Formas de pagamento: dinheiro, crédito débito e vouchers refeição
Horário de funcionamento: fechado atualmente
Endereço: Rua Carlos Comenale, 277 – Cerqueira César

A história do restaurante Ça-Va começa com o Antônio Carlos Cirelli, que era apaixonado pela França. Situado no bairro Cerqueira César, na região dos Jardins, em São Paulo, o “humilde” estabelecimento ficou mais conhecido por conta do reality “Pesadelo na Cozinha”, exibido pela Band.

Infelizmente, após as filmagens da terceira temporada do programa que também apresentou o Mamma Julia, o Estrela de Roma e o Kitanda, o antigo dono, Sr. Antônio, morreu vítima de Covid-19, e os filhos dele procuraram Erick Jacquin para oferecer o estabelecimento. Caso contrário, ele seria fechado.

Assim, após um acordo, o Ça-Va pertence agora ao Chef Jacquin.

Restaurante Ça-Va

Restaurante Ça-Va
(@cris.pisoni/Instagram/Reprodução)

Atualmente, o Ça-Va Restaurant é descrito como um “bistrô francês que serve pratos contemporâneos e vinhos em um espaço aconchegante e charmoso.”

Muito bem decorado e remetendo totalmente aos bistrôs franceses, a experiência começa pelo excelente atendimento. À noite, o jantar à luz de velas e a música ambiente são perfeitos para um encontro a dois.

O que tem no cardápio do Restaurante Ça-Va?

Cardápio do Restaurante Ça-Va
(@fetashiro/Instagram/Reprodução)

O cardápio do Ça-Va possui uma comida saborosa, com o “tompero” de Erick Jacquin. Boas entradas, boas carnes e boas bebidas (especialmente os vinhos). Também faz parte do menu o petit gateau clássico do Chef, que não tem erro.

Os pratos do cardápio variam de R$17,00 a R$99,00.

Alguns exemplos são:

  • Couvert (pão de campagne, manteiga, azeitona preta, muçarela de búfala): R$17,00
  • Terrine de campagne: R$39,00
  • Salmão defumado, blinis, creme azedo e salada de abobrinha marinada: R$58,00
  • Feijão de cordeiro à moda antiga: R$75,00
  • Steak tartare do Chef: R$64,00
  • Escalope de foie gras com lentilhas verdes: R$99,00
  • Croque monsieur e salada verde: R$48,00
  • Tartine de queijo de cabra com uva preta: R$58,00
  • Estrogonofe de filé mignon, arroz e fritas: R$49,00

Delivery Ça-Va

Delivery Ça-Va
(@nanda.porai/Instagram/Reprodução)

Para os que desejam experimentar os pratos do restaurante no conforto de casa, eles são entregues através do Jojo Gastrô, a marca de delivery de Erick Jacquin, que atende através do iFood ou pelo WhatsApp (11) 94446-5941.

Basta verificar em um dos contatos se a sua região é atendida.

Considerações finais:

Somente a forma emocionante como o Chef Jacquin inicia a sua história no Ça-Va já seria suficiente para conhecê-lo e sentir a energia do local que conta muito da história da vida do Sr. Antônio. Mas complementar a isso, o restaurante é talvez um dos ambientes mais agradáveis da região atualmente, que serve boa comida, oferece bons vinhos e um atendimento de primeira.

Por fim, uma curiosidade que talvez possa surgir em relação ao nome do estabelecimento, “Ça-Va” significa “Tudo bem”. Uma expressão comum no francês é “ça va bien”, algo como “vai ficar tudo bem”.

Resumo da avaliação:

Comida: ✩✩✩✩✩
Serviço: ✩✩✩✩✩
Preço: ✩✩✩✩✩
Localização: ✩✩✩✩✩
Vale a pena: ✩✩✩✩✩

Explore também ↴

Minha história com SP é a mesma contada por muitos brasileiros. Vivi no interior de Minas Gerais por muitos anos até que me mudei para “a cidade grande” para estudar. E aqui estou, desde 2011. Atualmente sou formada em Marketing, e trabalho com criação e revisão de conteúdo para a internet. Uma das principais características da minha vida por aqui sempre foi a curiosidade por conhecer mais da cidade, ir a novos lugares (especialmente para comer). E agora, conto tudo no Mídia Paulistana. Uma frase que me define é: “Uma mineira fazendo poesia sobre os lugares que passa pela cidade de São Paulo.”